ALUNOS DA FACULDADE PAN
PARTICIPAM DO PROJETO JUSTIÇA NO BAIRRO

ALUNOS DA FACULDADE PAN PARTICIPAM DO PROJETO JUSTIÇA NO BAIRRO

PEP de Curitiba firma parceria com a Faculdade PAN para levar informações previdenciárias a quem não tem acesso a esse tipo de serviço.

O encontro noturno faz parte do projeto Justiça no Bairro do TJ PR.

O evento aconteceu na sede do Programa Justiça no Bairro em Curitiba, tal projeto foi criado pelo Tribunal de Justiça do Paraná há 20 anos e atende a população nas demandas consensuais na área da família e registros públicos. A parceria conta com o apoio da Faculdade Pan, do Instituto de Identificação do Paraná e do Instituto Nacional do Seguro Social, representado pela equipe do Programa de Educação Previdenciária- PEP.

Técnicos do Seguro Social levam toda a estrutura para dar entrada nos requerimentos e até conceder benefícios, se for o caso. “A participação do INSS em eventos de cidadania aproxima mais as pessoas do órgão. Para nós, servidores é gratificante poder esclarecer as dúvidas e ajudar quem não tem acesso ou até mesmo não tem conhecimento sobre os seus direitos”, informou a Técnica do Seguro Social, Melânia Conopka.

Alunos do terceiro e quinto período do Curso de Direito da Faculdade PAN, também prestaram apoio nas atividades, segundo a professora e coordenadora do núcleo de práticas jurídicas da Faculdade Pan, Elaine Oshima, esse é um aprendizado efetivado para o aluno. “Realizamos o evento a noite para atender as demandas reprimidas de pessoas que não podem participar durante o dia. O objetivo com o INSS é focar nos benefícios para as pessoas com deficiência e idosos, já que essa é nossa maior procura e ter os alunos vivenciando isso é muito importante”, informou Elaine.

“Essa parceria entre o INSS, TJ PR e a Faculdade Pan vai ao encontro das nossas ações. Reconhecer direitos que muitas vezes a pessoa não sabe que tem, é a nossa missão enquanto profissionais do Seguro Social e a Gerência-Executiva em Curitiba não medirá esforços para estar presente em todas as ações”, conclui a gerente-executiva do INSS em Curitiba, Silvana Bernardino.

Skip to content